“dicas para ir para baixo em um cara +orgásias femininas”

Eu sorri e ele serviu mais uma rodada de tanques afligido como I foi se desculparam. Eu confiei; Eduardo’ll fazer uma confissão:Algo muito sério está acontecendo comigo; Eu sinto que estamos ficando velho, mas antes que isso aconteça eu gostaria de realizar uma fantasia que tem me dado muitas voltas na cabeça.

É importante lembrar que a qualidade da vida sexual é que está em questão, logo, se comparar com outras mulheres não é saudável. A vida não é um filme ou novela. Da mesma forma que o sexo na sua forma real e cotidiana não é o mesmo dos vídeos na internet.

– Delicadeza não quer dizer suavidade absoluta. Se lambe de forma demasiado suave ela não o sentirá com tanta intensidade, por isso uma boa forma de manter o equilíbrio é imaginar que a sua língua é um pênis. Faça com ela o que faria com o seu pênis, use-a para esfregar o clitóris, para penetrar, para lamber de cima para baixo e vice-versa. É uma arma para dar prazer, por isso deverá procurar o ponto médio.

Os demais resultados demonstram que talvez eles estejam fazendo isso da forma errada. Afinal, apesar de os brasileiros fazerem sexo com frequência – em média três vezes por semana – quase metade dos entrevistados responderam que suas transas não se estendem além de 15 minutos.

Isso mesmo: treine os seus músculos vaginais. Além de aumentarem o seu prazer na hora do sexo, deixam a sua vagina mais forte e resistente. Não precisa de muito esforço, é só diariamente você contrair e descontraí-la por alguns minutos e voilá. Você também pode apostar nas bolinhas de pompoarismo vendidas em sex shops.

Se sua parceira for mulher, provavelmente não encontrará problemas na prática do sexo oral (afinal, ela sabe como é ter uma vagina). Já em um relacionamento hétero muitos homens não obtêm boas performances entre um dos motivos, as reproduções pornográficas.

Voltei e oferta, coloque uma música suave falou de tudo, os olhos de Edward brilhou discretamente percorriam todo o meu esposa, Betty era todo sorrisos parecia muito bonita, eu servi mais uma rodada, eles continuaram falando oferta novamente, Edy você mencionou que cada dia foi mais bonito, Eu concordei dito pelo meu amigo, eu disse à minha mulher; você é melhor agora do que quando nos casamos, você não acha? Edy. Meu amigo perguntou; ver Tome um pouco de caminhada, colocando-o em pé, mas ela não queria encorajá-la entre os dois, Edy tomou sua mão, minha esposa muito paquera virou-se lentamente, meu amigo, o olhar arrebatador, sim …. você está definitivamente muito melhor agora.

Alguns homens não gostam do sabor da vagina, podem usar um óleo/lubrificante com sabor e odor a fruta por exemplo (veja as nossas sugestões em  /oleos-massagem.asp) esta dica também se aplica às mulheres que não gostam do sabor do pénis, apesar que normalmente não é essa a questão e isso fica para outro artigo.

Para Carmita, a explicação desta diferença entre homens e mulheres está em dois fatores fundamentais: o anatômico e o cultural. Por ter seu órgão exposto, o homem está em contato frequente com o próprio pênis, o que não acontece com as mulheres. Homens também são incentivados durante a infância e adolescência a se tocarem, enquanto as mulheres são ensinadas a não manifestar desejos sexuais.

NILDA, vc é a pessoa mais incrivel que só por suas palavras me fez acreditar, comigo esta acontecendo algo parecido, veja bem estou trocando uma mulher que só foi minha e que eu a faço muito feliz em tudo principalmente na cama (mas que nao amo mais) , por uma mulher que estou perdidamente apaixonado mas que na cama ainda nao a satisfiz totalmente, ela ja alcançou o orgasmo até tres vezes na relaçao, mas nao se satisfes por completo, ela tambem nao tem facilidade de alcançar o orgasmo, mas agora ela alcança muito mais facilmente do que no começo, NILDA vc nao pode fazer amor pensando neste probleminha, simplismente se entregue e nao esqueça converse com seu parceiro sobre isso, ache uma posiçao na qual vc sinta bastante prazer, e acredite nao é so vc que fica mal ele conserteza tambem, acredite é dificil ate dormi. abraço e continue sendo essa pessoa fantastica, se necessario procure ajuda médica!!!

Quando você vai transar com a mulher e as coisas começam a ficar quentes, logo quer que ela lhe faça um boquete. Aí, quando chega a vez dela receber o sexo oral, você desconversa e já vai logo para a penetração ou faz um oral rápido e sem vontade nela. Esqueça, essa mulher nunca mais vai sair com você.

Procure ficar mais tempo nas preliminares,só quaBem, se há falta de desejo sexual em relação a você ou se é falta de libido acho que são duas coisas completamente diferentes. Se o ACO pode afetar o libido pode sim, mas também pode ter certeza que a falta de tesão em você pode não ter nada a ver com isso. A rotina é brochante para a mulher, a mulher casada principalmente quando se sente na obrigação de fazer sexo fica desmotivada. Você deve provocar ela, fazer ela se sentir desejada. despertar o tesão adormecido. como? Existem várias maneiras..

Escolha bem o vibrador que vai levar para a cama. Nishok dá a dica: “o vibrador tem que ser de boa qualidade senão não serve nem para fazer coceguinhas. Com ele em mãos, passe na base do clitóris, dos dois lados dele, várias vezes e com pressão”.

Existe uma expressão muito usada pelas americanas que é: “Lick it before you stick it“ , que literalmente quer dize “Labe-me antes de enfiares”. Bom concelho! Existe até uma música com este nome da cantora Denise Lasalle, a letra é bem explícita e exprime o que muitas mulheres sentem.

Tanto o clitóris quanto o pênis derivam do mesmo tecido embrionário e se diferenciam no início da gestação segundo o sexo do embrião. Mas o órgão feminino continua crescendo em resposta a hormônios mesmo depois da puberdade, enquanto o masculino não.

Eu namoro a quase dois anos e consegui chegar ao orgasmo 3 vezes por ficar mais nas preliminares, mais a maioria das vezes nao dar tempo nem de meu parceiro penetrar e ja goza dai eu so fico na vontade.

Conheça-a. Saiba qual o tipo de estimulação que prefere: clitorial, vaginal, ponto G; é aconselhável estimula-la da maneira que ela mais gosta. Se a sua parceira atinge o orgasmo mais facilmente através da estimulação do clítoris, depois do primeiro orgasmo, continue a insistir nessa estimulação, mas poderá variar na intensidade ou o ângulo. Mas, tenha em atenção que o clítoris, depois do orgasmo poderá ficar demasiado sensível, tendo assim de mudar o tipo de estimulação, ou simplesmente aguardar alguns momentos.

A primeira dica é: libere sua mente. A cabeça tem papel fundamental, então nada de ficar pensando em problemas, ficar com vergonha ou tentar controlar as reações de seu corpo. “O passo mais difícil, para mim, foi libertar minha mente para não tentar entender o que estava acontecendo no meu corpo, o segredo é se deixar sentir sem tentar racionalizar o que está sentindo. Aí é possível ir para outro nível de prazer”, explica Manisha.

As preliminares ajudam a fazer a mulher chegar ao orgasmo fazendo ela realmente entrar no clima. Você pode começar as preliminares já na cama antes de fazer sexo, ou dias/horas antes do sexo quando vocês estiverem em publico juntos. Muitas mulheres curtem umas preliminares discretas em público.

Um dos fatores mais importantes para atingir o orgasmo é saber o que proporciona mais prazer na hora do sexo. Carmita, é necessário entender o próprio corpo para guiar o parceiro até os pontos, posições e toques que proporcionam mais prazer. Ou estimular a si mesma durante o ato. A anatomia do corpo feminino é igual para todas, no entanto, cada mulher sente o sexo de maneira diferente. Como o parceiro saberá o que proporciona mais prazer se a própria não souber? E como descobrir?

Agora chegou o momento de passar um óleo de massagens nas mãos, e começar a acariciar, com um pouco mais de pressão, toda a região da virilha de sua parceira. Passe por toda a região antes de chegar ao clitóris. E aí chegou a hora de fazer o trabalho por alí. A partir de agora, não existem limites para a criatividade. Pode usar os dedos, brinquedinhos eróticos, objetos próprios para isso e até mesmo vibradores.

Isso ocorre porque são os nervos vagos, situados fora da medula, que conduzem as sensações da vagina para o cérebro. “As mulheres descrevem o orgasmo clitoriano como mais localizado e externo, e o clímax vaginal como interno e algo que envolve todo o corpo”, explica o psicólogo.

Sentir vergonha do corpo a ponto de se preocupar na hora da relação sexual interfere no seu prazer. A psicóloga Janaína Reis explica que a mulher com autoestima baixa tende a não se sentir à vontade para explorar o corpo por meio de toques e carícias para descobrir os pontos de prazer. “A masturbação é uma das principais formas de alcançar o autoconhecimento sexual”, diz. Se a mulher não se sente segura e não sabe como ter prazer, pode ter dificuldade em atingir o orgasmo tanto sozinha quanto com o parceiro – já que não consegue guiá-lo ou expressar de que forma sente mais prazer.

minha namorada demora muito a gozar muito mesmo!!!! gozos pouquissimas vezes com meu penis, mais com a lingua em toda relaçao ela goza!!! da ultima vez que eu demorei com ela, ela gozou cinco vezes e eu so na lingua!! logico que eu fiz toda pre-eliminares, mais se eu fosse colocar uma pórcentagem de dois anos de namoro 98,5% dos casos ela gozou e 1,5% naum nem me lembro quantidade que ela naum gozou foram muito poucas!! e eu até muitas vezes fui cavalheiro, ela primeiro mas na verdade eu me conheço e me garanto, e hoje em dia vou antes e ela vai depois naum tem uma ordem certa senti vontade vou e mesmo assim em todasa as relaçoes procuro fazer ela gozar, mais a unica dificuldade é fazer ela sentir com meu penis e naum com minha lingua, mais ela naum reclama de nada e dessa vez que ela foi cinco ela saiu com a perna tremendo nem conseguia levantar, mais eu fiquei com o maxilar doendo de uma tal forma que eu tinha um problema no maxilar pra mastigar alimentos de manhã, e meu problema foi corrigido por causa disso e depois disso naum tenho mais dor na lingua ou no maxilar acostumei.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *